O que sua empresa deve evitar nas redes sociais?

O imenso público a atingir e a consciência da necessidade de estar presente nas redes sociais tem levado, como alerta reportagem publicada pelo portal Exame, muitas empresas a aprenderem com os erros e equívocos cometidos ao se divulgarem por esses canais. A matéria cita, por exemplo, o caso da rede de restaurantes americana KFC que, em meio a um alerta de tsunami, convidou seus contatos do Facebook a correr para casa e fazer seu pedido delivery. Por conta de diversos comentários negativos posteriores, a mensagem foi tirada do ar, com pedido de desculpas formal por parte da empresa.

A questão, como também menciona a reportagem, é o comprometimento que um episódio como esse pode causar à imagem organizacional. Por isso, o Exame.Com elencou 6 atitudes a não tomar na utilização corporativa das redes sociais. E, como nós, da Iva, trabalhamos para a boa presença digital da sua empresa, decidimos compartilhar com você. Acompanhe alguns deslizes a não cometer.

1. Não ter um plano

Estar presente nas redes sociais, como afirma a matéria, é essencial, mas é preciso saber utilizar esse circuito para o desenvolvimento do negócio. Sem um planejamento, sua empresa não vai desenvolver presença digital. Como parte fundamental do plano, analise quais são as redes mais eficientes para o contexto da sua empresa, crie seu estilo e desenvolva relacionamentos com clientes e fornecedores;

2. Confundir perfil pessoal e profissional

Principalmente no caso das pequenas empresas, o Portal Exame aponta que esse é um problema muito comum. A regra, como alertam especialistas ouvidos pela matéria, é sempre se posicionar como entidade e nunca cometer a gafe de publicar fotos ou mensagens pessoais no perfil corporativo.

3. Ignorar clientes

As reclamações de consumidores via redes sociais ganham muita repercussão e, muitas vezes, podem gerar um fenômeno que foge ao controle do empresário, como bem afirma o Portal Exame. Por isso, não dá pra correr o risco de ignorar o que está circulando ou não responder a tempo. As ações de retorno, portanto, também devem integrar o planejamento da sua presença digital.


4. Publicar conteúdo irrelevante

De acordo com a reportagem publicada pelo Exame.Com, a maior parte das gafes cometidas pelas empresas nas redes sociais acontecem por conta de algumas “bobagens”postadas. E as organizações que não se preocupam com o conteúdo postado correm sérios riscos de perder agregados à rede; já que as pessoas simplesmente param de prestar atenção no que está sendo dito por uma empresa que distribui conteúdo irrelevante.

5. Brigar com clientes

Por incrível que pareça, há empresas que discutem com consumidores sobre suas reclamações via redes sociais. Mas bater de frente é sempre a pior saída. O ideal é entender que as críticas são oportunidades para a empresa se desenvolver e inclusive agradecer ao usuário por apontar uma dificuldade a solucionar.

6. Deixar de se retratar

De acordo com os especialistas ouvidos na reportagem do Portal Exame, o caso da KFC é ilustrativo de uma boa conduta diante de um deslize online. Se alguma “besteira”ou informação errada foi parar no perfil da sua empresa, o ideal é retirar a postagem e se retratar. Como as mensagens se espalham muito rapidamente, é fundamental assumir publicamente o problema e buscar a melhor solução para recuperar a imagem da empresa.

Com informações do Portal Exame

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *